Seu Coração Segue Sua Atenção

Contribução por Andrew Love

Você já fez algum elogio a alguém que, de alguma forma, mudou a forma como você via a pessoa e como ela se via?

O poder das nossas palavras e pensamentos é enorme, porque é aí que colocamos a nossa atenção emocional. Quanto mais você repete um pensamento em sua mente, mais você começa a sentir as emoções que o acompanham e mais ele se torna verdadeiro para você.

Com isso em mente, considere o quanto as nossas palavras estão intrinsecamente ligadas à nossa experiência de intimidade com os outros. Pense na última vez em que discutiu com um ente querido. Considere o quanto foi difícil pensar e dizer coisas boas sobre ele no calor do momento.

Quanto mais pensamos de certa maneira sobre alguém, mais procuramos maneiras de validar nossos preconceitos. Ou seja, quando estamos apaixonados, tendemos a ver apenas as qualidades virtuosas e o objeto de nossa adoração. Por outro lado, temos a tendência de difamar aqueles com quem estamos em desacordo.

O que está acontecendo aqui é que estamos investindo emocionalmente para provar o que queremos acreditar que seja verdade. Se não tomarmos cuidado, podemos criar problemas onde eles não precisam existir, seguindo nossa linha de pensamento inconsciente.

Então, na prática, uma forma de mantermos sempre um alto nível de amor nos relacionamentos importantes para nós é decidir como queremos pensar e sentir acerca dessas pessoas. Se a negatividade surgir em algum momento, podemos decidir se queremos seguir essa negatividade ou não, em vez de sermos puxados para um buraco negro.

Aqui está uma dica muito fácil para praticar agora mesmo! Se você tem alguém em sua vida com quem não tem intimidade, descubra como você gostaria de se sentir sobre ele(a) primeiro. Segundo, comece a ter pensamentos que o ajudem a se sentir assim em relação a ele(a).

Se for um cônjuge, encontre uma maneira de sentir gratidão por ele(a) lembrando tudo que você ama nele(a). Assim que puder, compartilhe esse sentimento de gratidão a ele(a), elogiando-o(a). Repita isso até que a dinâmica entre você e seu cônjuge mude.

Embora isso possa parecer extremamente óbvio, é algo frequentemente esquecido pela maioria de nós. Investimos muito tempo e energia pensando negativamente sobre as pessoas que mais importam para nós, e o resultado disso é uma distância do coração.

Nos sentimos desconectados deles.
Nos esquecemos porque os amamos.
Nos esquecemos que eles são filhos de Deus.

No entanto, mudamos nossos pensamentos, as histórias em nossa cabeça sobre eles, podemos começar a escolher uma abordagem diferente e mais produtiva.

Reserve um tempo para ter pensamentos amorosos sobre as pessoas em sua vida que você está comprometido a amar. Quando puder sentir gratidão por eles, informe-os. Isso ajudará a despertar um novo senso de apreciação e, eventualmente, adoração por eles.

Pratique isso para criar paz e intimidade em sua vida.

Related Articles

Responses